O envolvimento da equipa no Digital começa com o envolvimento Cultural

Atualizado: 18 de Nov de 2020

Tenho conversado com pequenos empresários sobre toda esta reinvenção estratégica que fomos acometidos por conta do coronavírus. A pergunta constante que tenho ouvido é “Como expandir o negócio para o digital quando a equipa ainda não está preparada para esta interação nas redes sociais?” (Vale ressaltar que toda esta transformação de gestão e de tecnologia que foi potencializada com o momento já existe há cerca de 10 anos.)



A minha resposta para eles também pode servir para si que está a analisar o seu negócio ou ajudar a analisar como está a empresa em que trabalha: fomentar o envolvimento da equipa no Digital começa com o envolvimento Cultural.

Sinalizo 4 pontos imprescindíveis para isso:

  • Engajamento: Se ainda não estimulou as pessoas a sentirem-se parte do negócio, a hora é exatamente agora. Não adianta ter uma comunicação imperativa, não será desta forma que envolverá as pessoas e as motivará para se posicionarem e venderem seus produtos ou serviços nas redes sociais.

  • Propósito: Se ainda não definiu, trate já de defini-lo. Mostre às pessoas onde pretende chegar, quais são as diretrizes. Mostre-as porque acreditar no seu sonho vale a pena e conheça os sonhos delas. Não saber o que quer e onde quer chegar não ajudará a fazer com que as pessoas acreditem no seu negócio, muito menos com que elas se comuniquem autenticamente com os clientes nas redes sociais.

  • Comunicação corporativa: Comece por analisar como está a sua comunicação e se ela de facto reflete a realidade que deseja para o seu negócio, se é uma linguagem motivadora e inclusiva. Se o que está o papel não for o que é praticado, novamente, não terá efetividade no envolvimento necessário.

  • Capacitação: Disponibilize formações para as pessoas. É natural que elas não saibam ainda como posicionar-se para uma câmera, como falar, qual a postura que deve ter. Cultura organizacional também é fazer com que as pessoas tenham skills cada vez melhores e desenvolvam-se conforme o progresso do negócio.

Estes 4 pontos são cruciais para que consiga ter uma presença digital com a participação da sua equipa e que o cliente perceba a autenticidade do seu negócio e não que estão ali a falar pessoas robotizadas. Cada vez mais é preciso uma Liderança Inclusiva, onde as pessoas estejam engajadas com o propósito da sua empresa e que elas façam parte genuinamente desta construção.


Analise como está o seu negócio e transforme já o que precisa ser transformado.


Fique sempre por dentro dos posts da Camila Leite Business & People!

Receba novos insights diretamente no seu email.

Inscreva-se logo abaixo (rodapé)


Conheça as mentorias da Camila Leite Business & People!

Clica aqui.

10 visualizações

Posts recentes

Ver tudo